domingo, 9 de maio de 2010

Des Amis du Mouton Degustam Vinhos da Casta Cabernet-Sauvignon


O Professor Roberto Rodrigues iniciou a Degustação de Vinhos da casta Cabernet-Sauvignos, após abrir o vinho que nos foi ofertado pelo Confrade João Luiz Caputo.

Uma visão panorâmica da Mesa de Degustação da ABS-Rio, onde o Grupo se reúne.

Roberto Rodrigues, após ouvir uma frase engraçada do fotógrafo, ao lado de Márcia Parente.

O Sommelier Joaquim, que já havia secado umas três ou mais taças de vinho.

O australiano First Eleven Cabernet-Sauvignon. 15 % Vol., Coonawara 2005, do Produtor Jim Barry, que fechou com 89,70 Pontos como Nota Média do Grupo. Vinho com bela cor vermelhorrubi escuro, escorregadio, com reflexos alaranjados, de leve opacidade para opaco e brilhante. No Exame Olfativo, é franco, amplo, fragrante já com aromas etéreos e frutado. Aromas de canela, baunilha, café, caramelo, alcaçuz, nozmoscada, ameixa em calda (etéreo), pimenta do reino, páprica doce, pimenta (chilli)... Na boca, é seco, sápido, equilibrado, macio, encorpado e com taninos equilibrados. Nos aromas de boca, o vinho se mostrou de equilibrado para harmônico, finíssimo, de intenso para muito intenso e de persistente para muito persistente.

Este foi o Vinho Extra, branco, ofertado por João Luiz Caputo, Insolia,
IGT Sicilia, cuja avaliação foi interrompida por estar Defeituoso, praticamente sem acidez (oxidado).

Cabernet-Sauvignon (Gran Familia) 2002, 14,5 % Vol., da De Martino, que obteve a 83,40 Pontos como Nota Média do Grupo.


Casa Real Reserva Especial Cabernet-Sauvignon, 2005, 14 % Vol. Alcançou 89,70 como Nota Média do Grupo.


A Confreira Márcia Parente propõe um brinde.


O Espanhol Gran Reserva de Fondillón, 15 % Vol., safra 1980, "Vinho Generoso",
do Produtor Salvador Poveda, DOC Alicante (procede das melhores uvas da Cepa Monastrell de uma safra melhor, de um só ano, "vino criado y envejecido en toneles de roble" por longos anos). Foi engarrafado em 1990, no montante de 6.000 garrafas. De bela cor Amarelo-Âmbar escuro, com reflexos alaranjados, denso, muito trasparente e brilhante. Aromas de frutas secas, damasco, mel, amêndoas... Atribuí-lhe a nota 98.

Para o final dos trabalhos, nosso Confrade João Luiz Caputo nos surpreendeu com acompanhamentos de diversos pães, deliciosos queijos (variados) e fiambres de excelente paladar.





2 comentários:

  1. Boa tarde, visitei o seu blog e gostei muito... Gostaria de lhe pedir se pode colocar o link do meu blog no seu...

    http://vinhosdasemana.blogspot.com/

    Espero que coloque.
    Belo blog!

    Vinhos da Semana

    ResponderExcluir
  2. Grato pela visita, Confrade! Colocarei o link. Também fiz uma visita ao seu Site e gostei do "lay out" e do conteúdo, bem abrangente e rico.

    ResponderExcluir

Por favor, queira deixar o seu pertinente comentário.